quinta-feira, 17 de maio de 2007

MUDANZA.

Cada vez que eu me mudo de uma casa para outra , de um lugar para outro, eu sinto que a verdadeira mudanza eh no interior,com CERTEZA
absoluta eu ainda me sinto arrumando tudo que eh igual para colocar no outro espazo.
Esta no grande livro do Lao Tzu:
Sem sair de casa,
conhece-se o mundo,
Sem olhar pela janela,
ve-se o Tao do Ceu,
Quanto mais longe se vai,
menos se sabe!
,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,
sim sem sair de casa conhece-se o mundo de forma cada vez mais virtual,todos nos somos testemunhas disso,
Eu olho pelas minhas janelas e vejo o Ceu, as vezes azul as vezes nublado e neste olhar pretendo sentir o Tao, Dus.
Quanto mais longe eu vou, menos sei , pois nao da para saber demais, saber tudo.E assim cada dia, passo a passo vamos construindo um mundo ao nosso redor.Se der para envolver outros, que seja da melhor energia possivel, se nao der, pezamos perdao a Dus, por nao sabermos ainda construir um mundo melhor ao nosso redor!

4 comentários:

zélia guardiano disse...

Oh, Tamar, Tamar... A mim você já envolveu!!! Nesta quadra da minha vida, você não pode imaginar o que significa ganhar, de Deus, uma amiga como você: talento, sensibilidade,olhar que transcende o óbvio...Texto e imagem desta postagem mexeram muito com a minha psiqué: alento novo!!!!Beijos

DIARIOS IONAH disse...

eh muito reconfortante saber que alguem gosta do que voce cria.a cada dia voce retoma novo folego porque sabe que alguem em algum esta plugado e com expectativas disto tudo.mas tambem haja responsa para nao deixar apeteca ir ao chao, desde ja eu quero dizer que se a peteca conseguir cair no chao, faz parte da continuazao do jogo.
Zelia muito obrigada por existir!

reginaporto disse...

Concordo Tamar. E,Geraldo Vandré falava a respeito cantando "...mas a vida não mudava, mudando só de lugar..."

DIARIOS IONAH disse...

isto eh o que nos temos de mais valor na vida,
e estar atento eh o que faz
sentir tudo isto!

este eh um diario atraves de imagens. a cronologia nunca sera a mesma. ele tanto pode estar no passado como no presente mas sempre com o futuro como meta, como se fosse O OLHO REAL.