sexta-feira, 22 de junho de 2007

VARIEDADES FOTOGRAFICAS

Sou louca por esta florzinha que nasce nos lugares proximos do mar.Nao sei o nome dela, mas ela eh um encanto pelo chao que pisamos!
Ben Gurion e Golda Meir, brincando,aqui neste dia ainda nao tinha chegado o Ben Davidovich

as cabacinhas sao uma distrazao.nada de pretensioso espero delas.



um belo ceu,
azul
com nuvens tao branquinha que me da vontade de
come-;las como se fossem algodao doce!



olha aqui o algodao doce dos anjos~!



2 comentários:

zélia guardiano disse...

Ah! A flor azul...Ben Gurion e Golda Meir( que responsabilidade a destes bichinhos, batizados assim!), lindinhos, combinando com o amarelo sorridente ...O grupo de curiosos seres, advindos do reino das cabacinhas...O algodão doce, belo como a infância, solto, livre, correndo pelo céu, indo ao encontro dos anjos... O que mais dizer, se tudo isso já fala por si só? Palavras? Posso prescindir delas...

Madu disse...

O azul da flor, o azul do céu. Entre a flor e o céu tem os bichanos,as cabacinhas e as nuvens grávidas de significados buscados na infância. Tudo preenche esse vazio que nos impede de provar o sabor das nuvens.deve ser por isso que inventaram o suspiro. Claras em neve, nuvens leves com acúçar assadas pra gente se deliciar.

este eh um diario atraves de imagens. a cronologia nunca sera a mesma. ele tanto pode estar no passado como no presente mas sempre com o futuro como meta, como se fosse O OLHO REAL.